HiperCentro-Fracção F, Rua Dr. Eduardo Santos Silva, 261 4200-279 Porto+351 222 081 483info@norleq.com
enpt

Análise de Estabilidade de Chá verde com o equipamento Stabino® da Particle Metrix

Artigo 4 de 75

Fig.1 Stabino®

Princípio de Medição

O Sistema Stabino® da Particle Metrix é um sistema automatizado de titulação permitindo a medição de potencial zeta / corrente que garante medições dentro de segundos e titulação integrada em alguns minutos. A maioria das amostras pode ser analisada na concentração original. Este processo destina-se a aplicações inovadoras na produção e garantia de qualidade da indústria de bebidas. Em muitas aplicações, a carga e o tamanho da partícula, assim como o comportamento de aglomeração são características de uma bebida, tal acontece também com o chá verde.

O potencial da interface da partícula medido no Stabino® representa a quantidade de repulsa eletrostática entre partículas e depende do valor de pH, da condutividade e dos polieletrólitos envolventes. O resultado da titulação é característico da amostra.

 

Fig. 2 Chá verde

Porquê a titulação do chá verde?

De modo a prever a estabilidade a longo prazo do chá verde, foi escolhida a titulação com um polieletrólito até ao ponto de carga zero. De um modo geral, quanto mais altos forem o potencial inicial e o consumo até ao ponto de carga zero, mais estável será o sistema devido à alta densidade de carga.

 

Procedimento

Fig. 3: Os dados de medição da titulação polieletrólica com 0,0025N P-DADMAC a 0 mV das quatro amostras de chá verde.

Tabela 1: Medição de dados de titulação com potencial inicial e consumo até ao ponto de carga zero

Foram transferidos 10 mL de amostras de chá verde para a célula de medição Stabino® e subsequentemente tituladas até ao ponto zero da carga com uma solução catiónica polimérica de P-DADMAC0,0025N. Para verificar o resultado da medição, realizou-se duas vezes a determinação na amostra 2. Para além disso, realizou-se a medição do tamanho da amostra antes e depois da titulação com um Nanoflex, que utiliza dispersão dinâmica da luz a 180° pelo método heteródino.

Na Figura 4, vê-se bem a diferença entre o tamanho da partícula antes e depois da titulação. À medida que a carga da superfície é neutralizada pela titulação e o potencial atinge 0 mV, deixa de existir repulsão entre as partículas levando à aglomeração/ crescimento das mesmas. Tal também aconteceria durante um longo processo de envelhecimento provocando a desestabilização.

 

Resumo

Fig. 4: Distribuição do tamanho da partícula antes (vermelho) e depois (verde) da titulação com a amostra 1 como exemplo.

Com o Stabino® pode determinar-se a estabilidade do chá verde fácil e rapidamente, para que as declarações relativas à armazenagem e à estabilidade a longo termo possam ser feitas.

Ao utilizar o NANO-flex®, pode comprovar-se a aglomeração causada pela titulação no tamanho da partícula.
Para concluir, a combinação de ambos os métodos para uma análise de estabilidade rápida em poucos minutos funciona bem. Para além disso, é dada uma previsão muito mais precisa ao contrário da amostra clássica “à vista” com referências. Um benefício adicional do método Stabino® é que o processo de fabrico poder ser monitorizado no momento e se necessário, poderem ser tomadas medidas de ação adequadas.

MENU